Proinvest na Mídia

PROINVEST – Folha de São Paulo Matéria Especial Morar – 12/ Jun

Postado em 13 de junho de 2016 às 08:40

Prédio de alto Padrão chega à Granja Viana

 Com tradição de condomínios horizontais, região registra crescimento no numero de Apartamentos lançados.

Oferta de serviços e preços menores do que em São Paulo são os maiores incentivos para novos moradores.

Dante Ferrasoli de São Paulo

Às margens da Raposo Tavares, o distrito da Granja Viana se estende oficialmente do quilômetro 20 ao quilômetro 30 da rodovia e passa pelas cidades de Cotia e Carapicuíba, na Grande São Paulo. Com 35 mil habitantes, a Granja foi ocupada basicamente por condomínios com casas de alto padrão durante muito tempo.

No entanto, a chegada de mais comércio e novos serviços e indústrias acelerou uma mudança de perfil, ainda em curso, que multiplica o número de prédios no distrito.

Inicialmente, os empreendimentos ofereciam apartamentos pequenos, na faixa dos 50 m². O alvo dessas unidades eram casais jovens em busca de preços mais baixos que os de São Paulo. Agora, o primeiro condomínio com edifícios de alto padrão da região está sendo construído numa de suas partes mais nobres –a altura do quilômetro 22.

Com entrega prevista para abril de 2018, o Costa do Marfim, da incorporadora DNA, tem 70 apartamentos, que variam de 105 m² a 242 m², e investe em lazer, com academia, piscinas e spa.

“Fica no melhor lugar da Granja, um dos lugares mais frequentados daqui. Além disso, há cerca de 1.500 salas comerciais próximas, o que permite morar e trabalhar em locais bem próximos um do outro”, afirma Hélio Alterman, diretor da imobiliária Proinvest, em atividade há 30 anos na região.

2

1

Quarto do edifício Costa do Marfim, de 107 m², na Granja Viana

 

Já o recém-entregue Portal dos Pinheiros, da Sotto Incorporação, vai na direção oposta e oferece unidades de padrão médio.

Localizado na altura do distrito de Caucaia do Alto (Cotia), próximo ao quilômetro 39 da Raposo, se espalha horizontalmente e oferece imóveis de 55 m², com dois quartos e preços que partem de R$ 199 mil.

Ali, são 42 casas e opções de lazer como piscina, quadra e área comum com churrasqueira e forno para pizza.

O condomínio é apenas um de muitas outras construções com o mesmo padrão na altura do quilômetro 39, que se tornou uma espécie de “grande Granja Viana”, expandindo os limites do distrito.

Alterman lembra a heterogeneidade dos condomínios de casas na Granja.

“Ainda temos residenciais aqui com casas de 5.000 metros de terreno. É uma área de muita diversidade, sem um padrão muito definido”, afirma, referindo-se aos condomínios da região.

LOFTs

Ainda dentro dos limites “oficiais” da Granja Viana também é possível encontrar opções de imóveis menores e com preços mais baixos.

Uma das novidades é o Le Grand Viana, com entrega para o final de junho. Construído pela incorporadora CHW, o empreendimento abriga 59 lofts, com área de 38 m² a 67 m². Fica no quilômetro 22, nas proximidades do shopping Granja Viana.

Na área comum do edifício, há adega, piscina e um café. É possível comprar uma das unidades por aproximadamente R$ 340 mil.

“Sempre vale o comparativo: o que eu compro com esse valor em São Paulo? Em muitas situações, as pessoas preferem se deslocar e morar em um condomínio fechado com mais lazer e mais segurança”, afirma Hélio Alterman, da Proinvest.

 

 

Compartilhe essa notícia!

Comente sobre esse assunto!